Ir direto para menu de acessibilidade.
Brasil – Governo Federal | Acesso à informação
Início do conteúdo da página
Artigos

Materioteca: espaço de pesquisa de materiais

Publicado: Segunda, 17 de Abril de 2017, 09h59 | Última atualização em Segunda, 17 de Abril de 2017, 09h59 | Acessos: 823

Fibras, minerais, metais, cerâmicas, tecidos, couros, vidros, plásticos, papéis, madeiras, ... A lista de materiais existentes no planeta é extensa - mais de 70 mil -, mas nem todos conhecem suas características e aplicações. Buscando reunir informações sobre o tema, o Curso de Design de Interiores criou, em 2013, a Materioteca.

De lá para cá o acervo cresceu e o projeto de extensão vem evoluindo. “Nesses quatro anos já tivemos cerca de 30 estagiários, já catalogamos mais de 200 materiais e agora queremos dar maior visibilidade na comunidade, trazendo escolas para visitarem o espaço”, explica a Professora Maria das Neves Peres, coordenadora da Materioteca.

Com o apoio da Professora Sabina da Memória e de sete estagiários do Curso de Design, a Materioteca agora investe na digitalização do Banco de Dados do acervo para, no futuro, disponibilizar a consulta pela internet. Segundo a Professora Maria das Neves, a intensão também é conscientizar sobre os efeitos que esses materiais têm no meio ambiente: “Queremos dar ênfase na sustentabilidade, proporcionando que o usuário tenha, além de mostras e informações sobre os materiais, análise da vida útil do referido material”.

O grande desafio agora é integrar outros cursos, como Metalurgia, Mineração, Mecânica e Engenharia de Materiais para ampliar ainda mais o acervo. “Aguardamos colaborações e, principalmente, a visita de alunos de todos os cursos”, avisa a Professora.

A Materioteca funciona no Bloco B, 2º andar, das 9 às 11 horas (segunda e quarta) e das 14 às 17 horas (segunda a quinta).

registrado em:
Fim do conteúdo da página