Ir direto para menu de acessibilidade.
Brasil – Governo Federal | Acesso à informação
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Curso de Pedagogia Sistêmica: reflexões para a vida pessoal e profissional

  • Publicado: Quarta, 09 de Outubro de 2019, 11h51
  • Última atualização em Terça, 22 de Outubro de 2019, 10h47
  • Acessos: 449

Cerca de 15 pessoas concluíram, nesta segunda-feira (7/10), o curso de Pedagogia Sistêmica, ministrado pelas professoras Sabina da Memória e Maria das Neves. O curso, com carga horária de 40 horas, é fruto do projeto de Extensão Constelações Familiares, que já existe no IFPA desde 2017.

Constelação Familiar Sistêmica é uma prática filosófica, criada pelo filósofo alemão Bert Hellinger, que a define não como uma técnica ou método, mas um caminho, uma transição para um novo nível de consciência.

“A Constelação Familiar é diferente de tratamento médico, psicologia, psicanálise e outras terapias mais tradicionais, portanto, não substitui nenhuma delas”, ressalta a professora Dra Sabina da Memória.

No caso específico da Pedagogia Sistêmica, o destaque é para o elo família e escola. “O professor está sempre a serviço das famílias, portanto e para tanto recebe esse aluno e os seus pais em seu coração”, explica a professora. “Todos que participam do curso adquirem a capacidade de proporcionar, por meio dos exercícios de empatia, grandes mudanças e leveza para a vida das pessoas e principalmente para as próprias vidas”, completou.

Foi o que aconteceu com Mônica Figueiredo, uma das participantes do curso. Para ela, a experiência contribuiu com a aplicabilidade de suas práticas, tanto na vida profissional, como também nas relações dos grupos familiares e dos grupos sociais. “Outro fator relevante foi investigar e valorizar as gerações, que originaram a nossa base, para as quais devemos muita reverência pelo que somos e como procedemos”, afirmou. 

Para Camila Henriques, o curso a fez refletir sobre o eu interior, a partir da aceitação dos meus ancestrais. “As práticas voltadas ao campo familiar trouxeram compreensão sobre o meu lugar no mundo e a importância disso para perceber, como se dá o equilíbrio entre professo e aluno, pois não só na família, mas na sala de aula há uma relação de hierarquia”, destacou.

Consenso entre todos os participantes, o grande desafio apontado é desenvolver a capacidade de convivência com o outro. No caso dos professores, especialmente. “O curso de Pedagogia Sistêmica, além de contribuir para minha formação profissional - me orientando em como agir com minha turma, considerando suas particularidades que vai além no meio socioeconômico -, também ajudou no meu autoconhecimento. Passei a compreender meus sentimentos em relação a minha família e como esses sentimentos interferem na minha vida profissional, social e emocional “, afirmou Kariny Rebelo.

A mesma opinião é compartilhada pela professora Gisely Freitas, que também fez o curso. “Melhorei minha convivência em casa, com a família; no trabalho, com colegas; e em sala de aula, com meus alunos, além de outras relações do cotidiano. O poder de compreensão abordado no curso me ajudou a repensar a dimensão quando escutamos o outro e damos a oportunidade de trazer seus desejos, suas memórias. Tudo isso nos faz entender porque estamos aqui e como podemos melhorar nossa passagem neste campo planetário”, concluiu.

Para mais informações sobre Constelações Familiares, entre em contato, via WhatsApp: 91983481348 (Sabina) ou 9191131914 (Marineves) ou pelo email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Clique AQUI e confira depoimentos sobre Constelações Familiares.

Clique AQUI e confira outras fotos do curso.

registrado em:
Fim do conteúdo da página
-->