Ir direto para menu de acessibilidade.
Brasil – Governo Federal | Acesso à informação
Página inicial > Últimas Notícias > MAIO LARANJA: Mês de maio é nacionalmente dedicado ao combate ao abuso sexual de crianças e a prostituição infantil
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

MAIO LARANJA: Mês de maio é nacionalmente dedicado ao combate ao abuso sexual de crianças e a prostituição infantil

  • Publicado: Terça, 19 de Maio de 2020, 17h12
  • Última atualização em Quarta, 20 de Maio de 2020, 17h15

O mês de maio é nacionalmente dedicado ao combate ao abuso sexual de crianças e a prostituição infantil. A proposta é, além de prevenir, se conscientizar cada vez mais com o problema. Sendo o dia 18 de maio como o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

Segundo o Conselho Federal de Medicina o abuso é uma das formas de violência sexual caracterizada por ter como objeto crianças e adolescentes, ou seja, sujeitos de direitos, imaturos sexualmente e que necessitam de proteção especial por parte da sociedade e Pode envolver práticas diversas do contato genital, tais como carícias, beijos, exposição à pornografia ou a situações sexualizadas. Onde nos casos crônicos de violência:

- Acomete mais frequentemente as crianças;

- O agressor geralmente é alguém próximo à criança, em geral dentro da família;

- Atos sexuais aumentam de intensidade com o passar do tempo;

- Está frequentemente associada com sedução, gerando na criança o sentimento de culpa.

É importante ressaltar que devido ao isolamento social que estamos vivendo, em decorrência à pandemia causada pelo Coronavírus, os casos tendem a aumentar.

Dessa forma é preciso ficar alerta para esse tipo de situação. 

Como agir em caso de violência contra crianças e adolescentes?

Se você tiver suspeita ou conhecimento de alguma criança ou adolescente que esteja sofrendo violência, a sua atitude deve ser denunciar! Isso pode ajudar meninas e meninos que estejam em situação de risco. As denúncias podem ser feitas a qualquer uma dessas instituições

- Conselho Tutelar da sua cidade;

- Escola, com os professores, orientadores ou diretores;

- Delegacias especializadas ou comuns;

- Polícia Militar, Polícia Federal ou Polícia Rodoviária Federal;

- Número 190;

- Casos de pornografia na internet: denuncie em https://ouvidoria.mdh.gov.br/

 

 

 REFERÊNCIAS

http://portal.cfm.org.br/images/stories/biblioteca/manual%20atendimento%20crianca%20adolescente.pdf

Programa Nacional de Enfrentamento da Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes

 

Setor Ambulatorial - SAB | IFPA Campus Belém

registrado em:
Fim do conteúdo da página
-->