Ir direto para menu de acessibilidade.
Brasil – Governo Federal | Acesso à informação
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Depoimentos sobre Constelações Familiares

  • Publicado: Quarta, 09 de Outubro de 2019, 11h46
  • Última atualização em Quarta, 09 de Outubro de 2019, 11h46
  • Acessos: 113

“Há cerca de um ano participo assiduamente das reuniões do projeto Constelação Familiar e sou muito grata por toda ajuda que tive para superar traumas e bloqueios em minha vida. Vivenciei momentos de desesperança e frustração antes inimagináveis e, com coragem, paciência e muito choro, consegui me liberar de sentimentos negativos e que nada contribuem para minha evolução. No projeto encontrei aconchego, empatia e amor.” Marília Moreira

 “Conheci a Constelação familiar há aproximadamente sete meses, incentivada por meu filho, que mora em São Paulo e já constelou. Pesquisei sobre o assunto e logo me identifiquei com o processo. Considero uma experiência incrível, pois a energia envolvida é muito grande e a sensação em poder ajudar o outro dentro desse movimento é impagável. E quando participo de constelação de outra pessoa, em muitos casos, é como se eu tivesse vendo minha situação ali se resolvendo. Quando levei uma questão pessoal para constelar, eu consegui olhar como espectadora para mim mesmo e alcancei equilíbrio emocional diante daquela situação. A Constelação Familiar me ajudou a identificar meus sentimentos e saber como agir, ou reagir, diante das diversas questões da minha vida.”  Marlene Coelho

“Minha experiência com a Constelação Familiar foi impactante. Constelei pela primeira vez há pouco tempo e desde então muito se revelou e se transformou em minha vida. Compreendi e aceitei fatos ocorridos no meu passado, que ainda tinham um peso gigantesco em minha vida, como evolução e prosperidade existencial. Fui em busca de uma resposta e ao constelar, outros acontecimentos interligados a meu questionamento foram revelados! Percebemos o quanto nossa ancestralidade, muitas vezes adormecida em nossa existência, se faz presente e necessitada de compreensão e discernimento, repercutindo de forma extraordinária em nossa vida.”  Aldenora Rodrigues

 “A minha vida sempre foi de dificuldades, coisas mal resolvidas, atrapalhadas. Participei do curso e amei, pois me esclareceu muitos aspectos e aprendi a ser grata aos meus antepassados.”  Vera Lúcia Siqueira

“Conheci as Constelações Familiares em um momento muito difícil da minha vida! Minha filha estava numa gravidez de grande risco. O bebê nasceu antes de completar os nove meses, no entanto, hoje com três meses de vida está lindo e saudável! Em outro momento, tive a oportunidade de fazer um movimento para olhar minha mãe de forma amorosa e reconhecer como a mãe certa pra mim. Isso foi muito importante, pois existia uma repulsa entre nós duas. Logo após o processo, ela foi diagnosticada com Alzhimer e, mesmo assim, nossa relação está bem melhor!” Isis Simão

“Fazer constelação é entrar em contato com nossas dores profundas, desacertos, incompreensões e sabermos que somos fortes para enfrentar todas as barreiras e dificuldades, pois há uma grande energia ancestral torcendo para que sejamos vencedores em nossas empreitadas.  É conhecer a nossa luz, o amor universal que nos envolve e todo tempo nos manda recados para sermos melhores através das dores que nos deparamos. Constelar nos coloca diante de uma realidade que não conhecemos ou talvez não entendamos, mas é confortável porque sabemos que somos capazes de atuar na modificação de nossas dificuldades para sermos melhores e fluirmos diante das adversidades que surgirem. Nos dá um novo olhar para vida e nos fortalece em todas as áreas: física, mental, espiritual e emocional. Faça! Você verá um mundo novo e cheio de conquistas a sua frente.”  Regina Márcia

“Nesse mês de outubro, completa um ano que participo das Constelações Familiares no IFPA. Posso afirmar, com toda a certeza, que foi um ano de muita aprendizado. Cheguei me sentindo desnorteada. Enfrentava dores emocionais intensas, por conta de uma separação conjugal e por não saber lidar com as tristezas dos meus filhos, que sentiam muito a ausência do pai. Aprendi muito com as práticas do projeto. Sei que ainda tenho muito a aperfeiçoar, todavia a partir das Constelações Familiares passei a ver a vida com mais simplicidade, deixando de me culpar e culpar os outros, procurando aceitar as coisas como são e dizendo: “Está tudo certo”.

Aprendi também a reclamar menos, a agradecer a partir das lições aprendidas nos encontros, a valorizar momentos vividos com pessoas que se distanciaram de mim e que sinto prazer em lembrá-las. Ganhei muito ao não julgar e praticar mais empatia pelos que me rodeiam. Entendi que tenho os pais certos do jeito que são, que o relacionamento deles é uma escolha e eu sou só a filha e não me cabe corrigir ou interferir na maneira que optaram por viver. Isso tudo me trouxe muita leveza. Olhar e honrar meus pais e demais antepassados, com gratidão por tudo que fizeram por mim, especialmente por terem me dado a vida e por terem aberto caminhos com dificuldades, para que eu tivesse a vida que tenho, me trouxe grandes curas emocionais, então pude me ver pequena diante da grandeza deles. Ainda tenho um grande caminho a trilhar, mas já alcancei muitas conquistas no campo profissional, acadêmico e familiar.” Simone Neves

registrado em:
Fim do conteúdo da página
-->